Perfil Clínico-Epidemiológico de Adultos Acima de Cinquenta Anos Portadores de HIV/AIDS

  • Patrícia Guerra Centro Universitário Teresa D'Ávila - UNIFATEA
  • Katia Margareth Bitton de Moura, Me. Centro Universitário Teresa D'Ávila - UNIFATEA

Resumo

Adultos acima de 50 anos são vistos como seres assexuados descartando a possibilidade de adquirirem DSTs, tais como HIV/AIDS. Assim, fazem-se necessárias ações educativas para esse público a fi de reduzir o índice de contaminação. Estudo epidemiológico, quantitativo, descritivo e explicativo. Objetivou descrever o perfi clínico e epidemiológico de adultos com idade acima de 50 anos e desenvolver uma proposta de estratégias de ações preventivas. Os dados foram coletados por meio de formulários contendo perguntas de múltipla escolha. Os resultados demonstraram que a maioria dos entrevistados contraiu o
vírus por contato sexual desmistifiando assim que adultos acima de 50 anos sejam assexuados e tornando fundamental o exercício de ações educativas para esse público, de maneira que o indivíduo seja capaz de adotar práticas seguras, a fim de evitar o contágio.

Publicado
2019-09-04
Seção
Artigo Completo