NÍVEL DE ESTRESSE DOS PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM EM UM PRONTO ATENDIMENTO DE UMA CIDADE DO VALE DO PARAÍBA

  • Ivaneide da Silva Morais Centro Universitário Teresa D'Ávila - UNIFATEA
  • Natália Lemes Siqueira Aguiar de Souza Centro Universitário Teresa D'Ávila - UNIFATEA
  • Cláudia Lysia de Oliveira Araujo Centro Universitário Teresa D'Ávila - UNIFATEA

Resumo

Nos últimos anos, observa-se o aumento de pesquisas sobre o estresse, por seus efeitos na qualidade de vida dos indivíduos. O estresse na sociedade moderna pode ser. Nos últimos anos, observa-se o aumento de pesquisas sobre o estresse, por seus efeitos na qualidade de vida dos indivíduos. O estresse na sociedade moderna pode ser explicado pelas transformações sociais que vêm desenhando o modo de vida e definindo novos padrões de saúde-doença. Exerce forte influência sobre a estrutura de trabalho, ainda que o estresse seja denominado como o esforço conduzido pelo organismo para resolver uma situação indesejada ou adaptar-se a ela, produzindo equilíbrio. Estresse é qualquer estímulo que demande do ambiente externo ou interno e que taxe ou
exceda as fontes de adaptação de um indivíduo ou sistema social. Tem como etapas a avaliação primária, realizada quando o indivíduo se confronta com o evento e o avalia como irrelevante, e não provocador de stresse ou como um desafio (positivo) ou uma ameaça (negativa) e ambos desencadeadores das manifestações biológicas da síndrome de adaptação geral. Trata-se de uma Pesquisa quantitativa/qualitativa, do tipo descritiva e exploratória de campo, realizada em um Pronto Atendimento de uma cidade do Vale do Paraíba do Sul. Os participantes dessa pesquisa foram 9 (nove) Enfermeiros e 18 (dezoito) Técnicos de Enfermagem, totalizando 27 vinte e sete profissionais que atuam no pronto atendimento do município. Iniciada após encaminhamento e aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa (Plataforma Brasil) e após a assinatura do termo de consentimento livre e esclarecido sobre a pesquisa, foi elaborada de acordo com a resolução CNS 196/96 dos profissionais. 

Publicado
Ago 8, 2017
##submission.howToCite##
DA SILVA MORAIS, Ivaneide; LEMES SIQUEIRA AGUIAR DE SOUZA, Natália; LYSIA DE OLIVEIRA ARAUJO, Cláudia. NÍVEL DE ESTRESSE DOS PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM EM UM PRONTO ATENDIMENTO DE UMA CIDADE DO VALE DO PARAÍBA. Revista Eletrônica de Enfermagem do Vale do Paraíba, [S.l.], v. 1, n. 08, ago. 2017. ISSN 2237-7646. Disponível em: <http://unifatea.com.br/seer3/index.php/REENVAP/article/view/42>. Acesso em: 25 abr. 2019.
Seção
Artigos