Jornalismo Audiovisual na Web: perspectivas e reflexões

  • Roberta Roos Universidade Federal do Pampa
  • Michele Negrini Universidade Federal de Pelotas
  • Vivian Belochio Universidade Federal do Pampa

Resumo

A proposta deste artigo é fazer uma reflexão sobre a produção telejornalística tradicional, com ênfase para o telejornalismo universitário, e suas ressignificações com o desenvolvimento das redes digitais. Para isso, reflete-se sobre conceitos e nomenclaturas, destacando-se as características dos meios digitais e as condições que influenciam as estratégias da produção jornalística audiovisual nesses ambientes. Cabe lembrar que estes espaços possibilitam iniciativas distintas das convencionais.

Biografia do Autor

Roberta Roos, Universidade Federal do Pampa

Jornalista. Mestre em Educação pela UPF. Doutoranda em Comunicação na UFSM. Professora da Universidade Federal do Pampa - Campus São Borja. Integrante do núcleo de pesquisadores do Grupo Interinstitucional de Pesquisa em Telejornalismo (GIPTele) e do Grupo de Pesquisa Comunicação Televisual - COMTV. Email: betaroos@hotmail.com.

Michele Negrini, Universidade Federal de Pelotas

Jornalista. Mestre em Comunicação e Informação pela UFRGS. Doutora em Comunicação pela PUCRS. Pós-doutora pelo programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas, da UFBA. Professora da Universidade Federal de Pelotas. Integrante do núcleo de pesquisadores do Grupo Interinstitucional de Pesquisa em Telejornalismo (GIPTele). E integrante do Centro de Pesquisa em Estudos Culturais e Transformações na Comunicação (TRACC). Email: mmnegrini@yahoo.com.br.

Vivian Belochio, Universidade Federal do Pampa

Coordenadora do mestrado profissional em Comunicação e Indústria Criativa e professora adjunta de Jornalismo da Universidade Federal do Pampa. Doutora em Comunicação e Informação (UFRGS). Líder do GP Jornalismo em Redes e Convergência (CNPq/Unipampa).

Publicado
2019-07-08
Seção
Artigos