A regulamentação publicitária do tabaco e seus derivados no Brasil e Chile

  • Dhione Oliveira Santana Universidade Federal de Sergipe e Universidade Federal do Paraná
  • Ana Alinny Cruz Reis Universidade Federal de Sergipe
  • Raquel Marques Carriço Ferreira Universidade Federal de Sergipe

Resumo

O tabaco é uma das maiores epidemias do mundo, responsável pela morte de milhões de pessoas todos os anos. O presente texto tem o objetivo de analisar como a regulamentação publicitária do tabaco e seus derivados se desenvolveu no Brasil e no Chile, e quais seus resultados sobre consumo nas populações. Em um primeiro momento, apresentamos os dados relativos ao tabaco na sua principal apresentação como cigarro e saúde pública, para depois adentrarmos ao estudo sobre a legislação da propaganda dos derivados do tabaco em ambos os países. Por fim, verificamos que dado a regulamentação tardia do Chile sobre o assunto, o país enfrenta ainda sérios problemas de saúde pública associados ao fumo e o adoecimento da população, enquanto o Brasil conquista avanços valiosos na diminuição do consumo do tabaco, principalmente na forma do cigarro.

Publicado
Jul 8, 2019
##submission.howToCite##
SANTANA, Dhione Oliveira; REIS, Ana Alinny Cruz; FERREIRA, Raquel Marques Carriço. A regulamentação publicitária do tabaco e seus derivados no Brasil e Chile. Educação, Cultura e Comunicação, [S.l.], v. 10, n. 20, jul. 2019. ISSN 2177-5087. Disponível em: <http://unifatea.com.br/seer3/index.php/ECCOM/article/view/1059>. Acesso em: 23 ago. 2019.
Seção
Artigos