Na outra ponta da midiatização

perspectivas para pensar o eixo Comunicação e Religião

Palavras-chave: Comunicação e Religião, Comunicação Comunitária;, Ecologia da Comunicação;, Pequenos Grupos de Fé;

Resumo

Este trabalho parte do pressuposto de que é necessário indicar perspectivas para pensar o eixo de pesquisa Comunicação e Religião que não tenham como foco os processos de midiatização, os quais, apesar do aparente poder de alcance na disseminação da mensagem, nem sempre resultam em processos comunicativos. Para tanto, objetivamos investigar quais as possibilidades para a comunicação e para a criação de vínculos comunitários nas vivências de um pequeno grupo de fé, formado por participantes de uma comunidade eclesiástica protestante, que se reúne semanalmente fora do espaço-tempo de culto oficial da instituição religiosa que frequentam. Trata-se de um estudo de caráter empírico, guiado metodologicamente pela participação observante (PERUZZO, 2017) e com amparo teórico que se organiza a partir de Jorge Miklos (2010; 2018), Norval Baitello Junior (2002; 2012) e Vicente Romano (2004). Como principal resultado, identificam-se processos comunicacionais ecológicos e congregacionais, por meio de ações de construção, composição e compartilhamento, na contramão da predominante midiatização em ambientes / grupos religiosos.

Biografia do Autor

Isabella Pichiguelli, Universidade de Sorocaba

Mestra em Comunicação e Cultura com graduação em Comunicação Social – Habilitação em Jornalismo, pela Universidade de Sorocaba. Pesquisadora do Grupo de Pesquisa em Narrativas Midiáticas (NAMI/Uniso/CNPq) e do Grupo de Estudos em Mídia, Religião e Cultura (MIRE/Intercom).

Publicado
2020-02-16
Seção
Artigos